Banner #02

Pesquisar neste blog

DOIS RATOS E DUAS GAIOLAS


O primeiro rato –vamos dar-lhe o nome de Clive – empurra a barra, e em vez de comida, recebe um choque elétrico. O segundo rato – que se chamará Nigel – empurra a barra em sua gaiola. Nada acontece. Nem comida,nem choque.

Clive pára de empurrar a barra. O choque elétrico foi desagradável. Nigel continua empurrando a barra, mas não acontece nada. Eventualmente, Nigel empurra a barra menos vezes, e acaba por não empurrá-la mais. Cessou a recompensa que ele aprendera a esperar empurrando a barra.

Mas se você for paciente e continuar observando, verá que Clive vai voltar a empurrar a barra. Se desta vez ele não levar um choque, continuará empurrando a barra muitas vezes, embora não lhe renda comida alguma. Clive acabará desistindo também se nada acontecer para recompensar – ou punir – seus empurrões na barra.

Cada rato aprendeu a empurrar a barra de metal para conseguir comida. Cliver empurrou aproximadamente tantas vezes quanto Nigel, que não recebeu choque elétrico.

Embora a punição – choque elétrico – suprima um comportamento por certo tempo, não faz com que o comportamento desapareça. Continua existindo o tempo todo, e irá emergir quando lhe for dada uma oportunidade.

Será que enderecer resolve, veja a publicação do desembargador José Luiz Oliveira de Almeida

Comentários

Toda pessoa tem direito à liberdade de opinião e expressão; este direito inclui a liberdade de, sem interferência, ter opiniões e de procurar, receber e transmitir informações e idéias por quaisquer meios e independentemente de fronteiras. Vale lembrar: a Constituição Federal brasileira de 1988 veda o anonimato.
CONHEÇA A LISTA DE CURSOS 24 HORAS, VOCÊ É MEU INDICADO PARA EFETIVAR SEU CADASTRO
Confira também os blogs que nos apoiam:
Blog Radar Luminense
Blog Baixada Maranhense
FAÇA OFERTAS PARA SUA CIDADE E DIVULGUE
Blog MaranhenCidades

MercadoLivre

Redes Sociais

assine o feed

siga no Twitter

Postagens

acompanhe

Comentários

comente também